Quero uma vida azul-piscina!

Quero uma vida azul-piscina!

Gosto de pensar assim: se a gente faz o que manda o coração, lá na frente, tudo se explica.

Gosto de pensar assim: se a gente faz o que manda o coração, lá na frente, tudo se explica.

Por ele eu vou até o Acre e me finjo de índia.

Por ele eu vou até o Acre e me finjo de índia.

Meu mundo

Meu mundo
Mundo

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

O enigma do elogio


A insegurança limita a nossa visão! A insegurança reduz o que somos à mediocridade daquilo que pensamos que somos! A insegurança sempre grita “não” para todos os desafios das nossas vidas! A insegurança é alimentada por lembranças tristes de pequenos acontecimentos que nos marcaram quando ainda éramos meninas! Insegurança é uma gaiola que aprisiona a alma!
Proponho, hoje, a começar por mim: abrir a gaiola da insegurança e libertar a menina cheia de sonhos que é você! Talvez ela esteja usando um vestidinho ainda menina, ou talvez ela esteja usando roupas do colegial... Olhe bem para você dentro da gaiola e saia de lá! Sim, porque merecemos os elogios, e somos o melhor que podemos ser! E se ainda não somos o melhor, estamos perto de nos tornarmos! Somos trintantes, sim! Com muito orgulho! Com muita alegria e livres, ok?



O vestido preferido de uma mulher é o abraço do homem amado.