Quero uma vida azul-piscina!

Quero uma vida azul-piscina!

Gosto de pensar assim: se a gente faz o que manda o coração, lá na frente, tudo se explica.

Gosto de pensar assim: se a gente faz o que manda o coração, lá na frente, tudo se explica.

Por ele eu vou até o Acre e me finjo de índia.

Por ele eu vou até o Acre e me finjo de índia.

Meu mundo

Meu mundo
Mundo

terça-feira, 17 de março de 2009











"Pela honra e glória da
Verdade Infinita
Pela manifestação
Divina em forma da Natureza
Pelo amor a Humanidade
que a cada dia eu cultivo
Pela chama infinita do Amor Divino
Pelas bênçãos manifestadas através
do canto de pássaros
e ventos sobre minha face
Por aqueles em que seus corações
são como uma flor de lótus
Pela Inspiração Divina
Pelo dom da compreensão
Eu reverencio a Criação
Pois sou parte dela."
Muita luz e paz sempre.






"...Resta esse constante esforço para caminhar dentro
do labirinto, esse eterno levantar-se depois de cada queda,
essa busca de equilíbrio no fio da navalha, essa terrível
coragem diante do grande medo e esse medo infantil de
ter pequenas coragens."

¬ Vinícius de Moraes ¬
.


BENÇÃO CELTA


No dia que o peso apoderar-se dos teus ombros, e tropeçares, que a argila dance, para equilibrar-te! E, quando teus olhos congelarem, por trás da janela cinzenta, E o fantasma da perda chegar a ti... Que um bando de cores, índigo,vermelho,verde E azul celeste, venha despertar em ti, Uma brisa de alegria. E quando uma sensação de escuro estiver sobre ti, que surja para ti, uma trilha de luar amarelo, para levar-te a salvo pra casa. Que o alimento da terra seja teu! Que a claridade da luz te ilumine! Que a fluidez do oceano te inunde! E assim... que um vento teça essas palavras de amor á tua volta, num invisível manto, para zelar por tua vida, onde estiveres. Que assim seja!!
E assim se faça.


"Nunca diga te amo se não te interessa.
Nunca fale sobre sentimentos se estes
não existem.
Nunca toque numa vida se não
pretende romper um coração.
Nunca olhe nos olhos de alguém se não
quiser vê-lo se derramar em lágrimas
por causa de ti.
A coisa mais cruel que alguém pode
fazer é permitir que alguém se apaixone
por você quando você não pretende
fazer o mesmo".

(Mário Quintana)

sábado, 7 de março de 2009

Mulheres...



Seus Malabarismos Mágicos Manipulam Marionetes.
Meninas, Mães, Madres, Marquesas e Ministras.
Madalenas ou Marias.
Marinas ou Madonas.
Elas são Manhãs e Madrugadas.
Mártires e Massacradas.
Mas sempre Maravilhosas, essas Moças Melindrosas.
Mergulham em Mares e Madrepérolas, em Margaridas e Miosótis.
E são Marinheiras e Magníficas.
Mimam Mascotes.
Multiplicam Memórias e Milhares de Momentos.
Marcam suas Mudanças.
Momentâneas ou Milenares, Mudas ou Murmurantes,
Multicoloridas ou Monocromáticas, Megalomaníacas ou Modestas,
Musculosas, Maliciosas, Maquiadoras, Maquinistas,
Manicures, Maiores, Menores, Madrastas,
Madrinhas, Manhosas, Maduras, Molecas,
Melodiosas, Modernas, Magrinhas.
São Músicas, Misturas, Mármore e Minério.
Merecem Mundos e não Migalhas.
Merecem Medalhas.
São Monumentos em Movimento, esses Milhões de Mulheres Maiúsculas.


(d/a)


segunda-feira, 2 de março de 2009

O seu ventre gera a vida,
Os seios dão alimento,
No colo a terna guarida,
Nos braços doce acalento...


Com a voz ensina a verdade,
Com as mãos aponta o caminho.
Seu coração de bondade
É pleno de santidade:
Santuário de carinho!



No rosto um sorriso aberto,
Um olhar pleno de luz
É o farol que conduz,
O rumo, o atalho certo.




No abraço, a terna acolhida,
O abrigo de toda hora...
A verdade, digo agora:
MULHER és a própria vida!



E esse poema encerro,
Com um sentimento profundo
Acredite quem quiser...
Deus só deu sentido ao mundo
Depois que fez a Mulher!